O cachorro saltador

 
Na festa de são João as Doga pira

Chega de exploração! Pokémons não nasceram para lutar!


A organização mundial de proteção animal People for the Ethical Treatment of Animals (PETA) realizou uma ação muito bem-humorada envolvendo o combate à exploração dos bichos. Eles desenvolveram um jogo em Flash com a ideia de libertar os pokémons e não mais aprisioná-los em pokébolas.

Com cicatrizes e feridas abertas pelo corpo depois de tantas batalhas sem propósito algum, os pokémons decidiram virar o jogo e acabar com essa situação de escravidão. Sendo assim, agora eles batalham contra seus próprios mestres para alcançar a tão sonhada liberdade. Após derrotar cada um deles, os bichinhos ensinam que eles não nasceram com esse propósito, não foram concebidos para batalhar e, por isso, merecem viver livremente.

A grande “lição de moral” embutida nesse game é, sem dúvidas, a proteção animal em geral. Isso porque, logo que você vence a primeira batalha, um vídeo com cenas de maus tratos é liberado para você assistir. Portanto, como aviso, se você não está preparado para ver cenas fortes de animais sendo mal tratados, nem pense em abrir o vídeo.

Além disso, a campanha da organização visa mostrar o modo como o jogo Pokémon pode influenciar crianças a seguir por esse caminho de maus tratos aos animais. Talvez com uma certa dose de exagero, mas, de modo geral, a paródia é muito criativa.

Clique em "Leia Mais" para jogar

Salvando uma garota

salvando uma garota

A família mais legal do mundo


familia legal
rainbow face
Encontrei essa família linda enquanto acessava o Bobagento! O que acharam? *-*

Listerine

 
Pior que gasolina essa porra